segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

O canto da curucaca

Já escrevi o quanto gosto da chuva. Mas começar a semana com uma segunda ensolarada depois de um final de semana chuvoso é bem melhor. É bom ouvir o barulho das janelas e cortinas se abrindo, a dona de casa batendo o tapete na varanda (isso não é muito legal, afinal pra algum lugar vai a poeira), tem ainda os lava-carros cheios e no local de trabalho um casal de curucacas namorando bem em frente a sua janela.

Há alguns dias tenho ouvido um canto (??) diferente. Também não tenho certeza se é um casal e se estão mesmo namorando, talvez seja apenas a minha imaginação, mas é agradável pensar que seja isso.


É um contexto como este que me dá a sensação de estar no “interior”. Acho que isso, além do clima, estão entre as coisas que fizeram me apegar tanto a Lages.




A ave CURUCACA -“Theristicus caudatus” ou Buff-necked Ibis, também é conhecida regionalmente como Curicaca ou Caricaca, pertence a família Threskiornithidae assim como o nosso Coro-coró - “Mesembrinibis Cayennensis” ou Green Ibis e também a ave Íbis Sagrada – “Threskiornis Aethiopick”ou Sacred Ibis. Os Colhereiros – “Ajaia Aaja também pertencem a mesma família Threskiornithidae.

Segundo alguns relatos, o seu nome popular significa Ave das Araucárias.

As Curucacas tem costumes monogâmicos, preferem fazer seus ninhos no topo das araucárias e próximo as sedes das fazendas, onde se sentem mais seguras, criando normalmente um filhote ao ano, que sai do ninho quando tem praticamente o tamanho dos pais. Quando adultas chegam a 50 cm de altura e pesando em torno de 1,5 kg.

Características físicas
Distinguível pela coloração clara, asas largas, bico longo e curvo.

Alimentação
Alimentam-se preferencialmente de caramujos, insetos, aranhas e outros invertebrados, anfíbios e pequenas cobras.

Biologia e comportamento social
É diurna e crepuscular. Anda em pequenos grupos, que à noite se empoleiram nas árvores. Gosta de planar a grandes alturas por horas a fio.
Ao pousarem para dormir ou no clarear do dia, tanto os casais como as outras aves solteiras pertencente ao seu grupo, gritam muito alto, produzindo um dos sons mais notáveis da planície com propagação de centenas de metros.





Habitar
Normalmente são vistos em campos secos, alagados e pastagens. O Curicaca é protegido pelos agricultores como um controlador biológico, não deixando que se acentue o número de pequenos animais considerados nocivos. Têm como característica, residirem nos tradicionais pontos de pouso próximos a movimentação de pessoas, casas sede das fazendas ou hotéis de turismo, chamando à atenção por serem dóceis podendo vir comer na mão desde que lhe seja dada a comida adequada pelo seu tratador de costume. Seu nome popular é “Onomatopéico”, semelhante ao som do seu canto composto de gritos fortes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário